sábado, 6 de setembro de 2014

A BOMBA ESTOUROU...





MOMENTOBRSIL.COM(Comentário):

O ex-diretor de Abastecimento e refino da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, começou a dar 'nomes aos bois' cumprindo o acordo de Delação Premiada. Segundo teria dito, se abrisse a boca não haveria eleições no país. Até agora citou o nome de 12 senadores, 49 deputados, 6 governadores e um ministro, como beneficiários dos recursos sugados da empresa, alem dos partidos: PMDB, PT, PTB, PP E PR. A crise no Planalto está instalada. O Presidente do Senado Renan "Escandalheiros" e demais políticos recebiam cerca de 3% dos contratos firmados pela empresa durante sua gestão. A explosão desta 'bomba relógio' é suficiente para que o PT sofra fragorosa derrota no Brasil. Resta saber se a oposição terá a necessária inteligência e sabedoria afim de tirar proveito da situação. Com mais este ingrediente no cardápio petista da corrupção, compete ao eleitor dar a devida resposta nas urnas e aguardemos o desenrolar dos acontecimentos.

N.E. Matéria publicada em parceria com o CPIRASIL.COM

Nenhum comentário: