segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

ATÉ QUANDO ACREDITAR?

"Prefiro o barulho da Imprensa Livre, que o silencio da Diadura".(Dilma Rousseff).
MOMENTOBRASILCOM.COM(Comentário):
Conhecendo o passado, o tipo de personalidade demonstrado publicamente e o mau-humor sempre presente, as declarações acima e contidas nos dois inciais discursos durante as solenidades da posse, leva-nos àquela famosa pergunta que insiste em não querer calar:
'ATÉ QUANDO?".
O temperamento explosivo, o "pavio curto", como dizem ex-assessores e subalternos, essa trégua com os meios de comunicação, terá os dias contados. E fazemos tal afirmação considerando-se que, na formação do novo ministério varios integrantes têm e tiveram problemas com profissionais da imprensa. Desta forma, ao surgirem as primeiras críticas ou notícias que incomodem ao governo, a firmação da Presidenta, não passará de mero detalhe.

2 comentários:

Maria José disse...

Roy. Esperemos que esse temperamento explosivo não a impeça de realizar um bom governo. Certo, amor de minha vida?

Soraia disse...

Yo no creo en brujas, pero que las hay, las hay...