sábado, 18 de dezembro de 2010

MEDIUNIDADE E LUZ

A mediunidade benção Divina que o Pai concede aos seus filhos, oportunizando-os ao desenvolvimento e aperfeiçoamento das virtudes inerentes à alma, virtudes que em alguns estão adormecidas.
A conscientização Mediúnica se efetiva com muito estudo, disciplina e dedicação. A caridade, a assistencia fraterna, o consolo, o amparo ao próximo representam forças Divinas que habilitam o médium tornar-se um Ser à serviço do Cristo e do Pai.
O médium que almeja a plenitude espiritaul deve diariamente, purificar a mente, cultivando pensamentos nobres, elevados, positivos, úteis, dessa forma eleva a sua vibração psíquica e mental, promovendo uma conexão com almas elevadas, tornando-a aberta, receptiva, em sintomnia com o Divino. O coração deve ser preenchido com valiosos sentimentos, sublimando as paixões e emoções, deixando-se impregnar com a energia do perdão, da generosidade, da serenidade, do amor. O amor que une e agrega as criaturas,
O compromisso mediúnico se fortalece com a auto-confiança, a confiança. a fé, devotamento e DESAPEGO.
A Determinação, a Aceitação, O Respeito e O Amor, são conquistas da alma que darãop a vitória nesse belo Caminho de Luz.
PAZ PROFUNDA!
(Cesar guimarães é o dirigente Espeitrual do GECAL-Grupo Espírita Caminho da Luz/SSA/BA)

Um comentário:

Maria José disse...

Roy, meu amor. Você tocou num ponto fundamental: trabalhar o desapego. Este é um dos maiores desafios para os seres humanos e principalmente, para nós espíritas, que sabemos da importância do "deixar ir". O desapego é muito difícil para nós, ainda presos ao ego humano. Desapegar-se dos bens materiais, das coisas do mundo e das pessoas que amamos, é tarefa difícil para nós, Espíritos em evolução, porque as julgamos insuperáveis e insubstituíveis. Mas precisamos nos esforçar e ter a consciência de que somos peregrinos e estamos caminhando rumo à eternidade. Somente com o desapego é que podemos ter o que é da alma, porque nós não temos, nós simplesmente somos o que somos. Bela postagem. Te amo.