terça-feira, 28 de dezembro de 2010

A DANÇA DO SALARIO MÍNINO.

Confirmado pela presidente eleita, Dilma Rousseff, para permanecer no cargo, o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, defendeu o salário mínimo em R$ 560 em 2011, acima dos R$ 540 pregados pela equipe econômica de Dilma.Folha - Há conflito com outros ministérios?Carlos Lupi - Nunca tive briga. A opinião de um ministro é essa, a de outro é aquela, e quem decide é o Lula. Toda vez que tem conflito, o Lula entra para o lado do trabalhador. Em toda discussão de salário mínimo de que participamos, vencemos o Planejamento e a Fazenda.Como é que o Lula poderia ser favorável a flexibilizar a legislação [trabalhista]? Como é que ele não ia fazer uma política regionalizada?(Fonte: FOLHA).
MOMENTOBRASILCOM.COM(Comentário):
Como ocorre todos os anos, os responsaveis pela decretação do novo salário mínimo, iniciam o jogo de cena, tentando chamar a atenção da nação. È praxe, o mísero salario ficar no patamar mais alto citado pelos poderosos.

2 comentários:

Maria José disse...

É uma má vontade para aumentar o salário mínimo... e no entanto, o aumento do salário dos políticos é absurdo, não é meu amor? Beijos.

José María Souza Costa disse...

Não deixa de ser uma maneira dos politicos fazerem graças com as bandeirolas do povo. É um circo aonde tudo vale apena
Passei aqui lendo. Vim lhe desejar um Tempo agradável, Harmonioso e com Sabedoria. Nenhuma pessoa indicou-me ou chamou-me aqui. Gostei do que vi e li. Por isso, estou lhe convidando a visitar o meu blog. Muito Simplório por sinal. Mas, dinâmico e autêntico. E se possivel, seguirmos juntos por eles. Estarei lá, muito grato esperando por você. Um abraço e fique com DEUS.

http://josemariacostaescreveu.blogspot.com