quarta-feira, 17 de novembro de 2010

UMA MULHER SOLITÁRIA,

Quando desembracou em Brasília, já divorciada há algum tempo e, conheceu o Lula, o mundo da presidenta eleita Dilma Rousseff mudou. Sua vida no DF, resumiu-se ao Ministério das Minas e energia e na chefia da Casa Civil. Ao contrário do seu padrinho, que, desde a chegada a São Paulo transformou-se em metalurgico, lider sindical, construindo amigos e participando da politica nacional, sendo um dos fundadores do PT. Portanto, conhecedor profundo de pessoas boas ou não. Aprendeu o local onde dormem as "cobras", é tida como pessoa mandona, avessa aos políticos e muitas vezes considerada 'intratável' e de relacionamento dificil. Agora, eleita, terá que entender-se com a classe politica para compor as estratégias de seu governo. Como roupa suja e trancada em armario fede, os ares de Brasília tambem e, ela sabe. A ex-braço direito Erenice Guerra e mais recetemente, outra amiga Graça fortes, denunciada pela Folha de S. Paulo, são provas cabais do mau cheiro. De uma ora para outra, viu-se com a administração do Brasil nas mãos, rodeada de urubus, sangues-sugas e similares, todos querendo tirar o máximo proveito. Sozinha, pouquíssimos amigos, sem carisma, jogo de cintura e experiencia politica necessaria, terá um senado, onde há um verdadeiro 'carcará' de bigode, José Sarney, transformando-se em outra sombra do governo, alem do Lula, e não escondendo sua intenção de continuar a dar suas viciadas e marcadas cartas, antevejo verdadeiro inferno astral no futuro da nova Chefe-do-Estado brasileiro, pois, sua trajetória na cadeira de presidente dia a dia será comparada à do seu descobridor. O futuro nos dírá.

5 comentários:

angela disse...

Vamos ver, quem sabe menos jogo de cintura traga alguns benefícios. O jogo ainda não começou...
Abraços

Maria José disse...

Roy. O futuro é negro. Mas tenhamos esperança. Beijos.

Fusca disse...

Maria José acertou, não há nada de bom a se esperar de alguém com um passado tão sinistro.
Inclusive o passado recente, comprovando que conforme ela já declarou, nunca se arrependeu do que fez...

Marli Borges disse...

Roy,
Que fazer, é esperar pra ver!!! Eu também não acredito, mas como brasileira, tenho mais é que torcer pelo Brasil.. Bjssssss

Laguardia disse...

Se Dilma continuar mãe do PAC - Prepotenante Arrogante e Corrupta, não sei se termina o mandato. Pode ser que Michel Temmer se torne o próximo presidente do Brasil