terça-feira, 31 de agosto de 2010

A CERTEZA DA IMPUNIDADE.

Tiririca faz deboche com democracia. O ministro da Cultura, Juca Ferreira, criticou na manhã desta terça-feira a postura do humorista Tiririca, que concorre a uma vaga na Câmara dos Deputados pelo Estado de São Paulo. O PR aposta tanto no candidato que lhe deu um número de fácil memorização: 2222.'Ali é um deboche com a democracia. Se pudesse conversar com ele, pediria que interrompesse esse processo, porque não tem graça', afirmou o ministro, após receber pela manhã o documentarista Francisco Pinto e o cineasta Fábio Porchat, presidente executivo da Academia Latino-americana de Arte e pai de humorista de mesmo nome. Os dois apresentaram ao ministro manifesto contra a mordaça no humor.Para o ministro Juca Ferreira, a candidatura de Tiririca não presta um bom serviço à democracia. '(Ele) conseguiu se afirmar nos meios de comunicação de massa, transpôs sua linguagem circense para dentro da televisão, mas acho que não está prestando um bom serviço à democracia. Ali não é humor, é outra coisa'.No horário eleitoral gratuito, Tiririca questiona o espectador: 'O que é que faz um deputado federal?'. 'Na realidade, eu não sei. Mas vote em mim que eu te conto. Vote no Tiririca, pior do que tá não fica', completa.MordaçaNa semana passada, o ministro Carlos Ayres Britto, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou emissoras de rádio e televisão a fazer humor com candidatos que disputam as próximas eleições. A decisão tem caráter liminar.No manifesto entregue ao ministro, os artistas defendem que 'o eleitor possa decidir ele mesmo rir ou não com determinada piada e, principalmente, que possa decidir o que fazer com seu voto'.


MOMENTOBRASILCOM.COM(Comentário):

Ser cômico ou metido a humorista é uma coisa. Desrespeitar o povo, é outra! A atitude do candidato em questão, é uma afronta ao país. De forma desavergonhada e cabotina, entra pelos lares de São Paulo, achando que é a coisa mais natural do mundo, seu pedido de voto. Êsse tipo de 'avacalhação' ocorre pela certeza da impunidade, permitida pelo governo federal. A qualidade dos candidatos de norte a sul do Brasil, está cada vez mais em nível abaixo da crítica e de caráter duvidoso, para não falar nebuloso.

6 comentários:

Maria José disse...

Não há o que comentar diante de tanta palhaçada (sem graça) e falta de respeito. Abraços.

Alma Inquieta disse...

Olá amigo,

passo para dizer-te que não saberia viver sem os meus amigos.
Para ti, que fazes parte deles, vai o meu carinho e o meu agradecimento em forma de palavras escritas no meu blog. A acompanhá-las há um presente feito especialmente para ti...
Visita o meu Estados de Alma e verás...

Um beijo.

angela disse...

Na verdade um bando de titica...
E vai receber muito voto, a questão é que a eleição de deputados fica completamente escondida pela dos cargos executivos, a maioria da população em sabe quem são os candidatos muito menos para que servem.
abraços

Plenitude do Ser disse...

Inacreditável... E mais ainda que existem pessoas que votam...

Alma Aprendiz disse...

Amigo
Concordo plenamente!!!!!!!!!!!

Mas pode ter certeza que um tipo desse ainda receberá muitos votos e digo mais....ainda é perigoso um palhaço desse chegar ao senado.....

É lamenavel!!!!

Abraços

Marta disse...

Ola amigo!! Isso é mesmo uma vergonha e lamentavel!!!! E se brincar o palhaco pode ganhar !!!
Um abraco e bom feriado.