sexta-feira, 2 de julho de 2010

MEDO OU DESCONHECIMENTO?

KÁTIA ABREU: “QUEREMOS RESPOSTAS DOS CANDIDATOS, NÃO DOS SEUS MARQUETEIROS”
Na sabatina promovida pela CNA, a presidente da entidade, senadora Kátia Abreu (DEM-TO), comentou o comportamento das candidatas Marina Silva (PV) e Dilma Rousseff (PT). Marina queria acesso prévio às perguntas, exigência que o PV não fez quando ela participou do seminário da CNI (Confederação Nacional da Indústria). Afirma Kátia: “Isso não estava combinado nem faz sentido. Se as perguntas são previamente enviadas — e nós passamos os temas e um documento com preocupações do setor —, quem responde são os marqueteiros. A CNA não quer saber o que os marqueteiros pensam do setor agropecuário. Nós queríamos saber o que pensam os candidatos. E só José Serra aceitou responder de peito aberto aos produtores rurais. Isso nada tem a ver com simpatia por este ou por aquele candidato. Aquele que vencer será presidente do Brasil agropecuário também, não é? Ou será que tem alguém que ambiciona governar abrindo mão dessa fatia da economia?” Sobre a postura da candidata Dilma Rousseff, que recusou o convite, afirma a senadora: “Acho que a fuga ao debate, esquivar-se de responder perguntas, serve para confundir o eleitor. E nosso papel é contribuir para o esclarecimento. As respostas não têm de ser dadas a mim ou a uma grupinho de meia-dúzia de produtores rurais, não. Nós somos milhões, e todo mundo sabe que o setor é decisivo para a estabilidade da economia; aliás, é o setor que tem, historicamente, garantindo o equilíbrio da equação macroeconômica. Ou alguém se atreveria a provar o contrário?” Não! Acho que ninguém se atreveria.(Fonte:Col. Reinaldo Azevedo).
MOMENTOBRASILCOM.COM(Comentário):

È praxe dos candidatos exigirem que perguntas sejam enviadas previamente. Lógico que os "aspones" é quem respondem. Só lamento que candidata do Pv, tabem tenha entrado nesse esquema. A recusa da candidata do Lula em participar da sabatina/entrevista, demonstra claramente a falta de domínio na maioria dos assuntos abordados nos debates. As cartgas continuam a ser marcadas. Infelizmente.

Nenhum comentário: