sexta-feira, 26 de março de 2010

BONS E MAUS ESPÍRITOS!

Como agem os bons e os maus espíritos:
Eles, os espíritos dos que viveram neste mundo, continuam entre nós. Você pode até duvidar, mas é verdade! Se alguem quiser pesquisar, por experiencia própria, posso afirmar que as provas disso estão por toda parte. Desde o inicio da nossaa civilização eles se esforçam para demonstrar sua presença constante ao redor da humanidade terrestre, de todas as formas possíveis. Tais espíritos influenciam pessoas por meio dos sonhos, o que para eles é fácil. Quando dormimos, nosso espírito vai para a dimensão deles para se refazer e ficar no mesmo do deles. De tempos em tempos, eles chamam a atenção, provocando fenômenos físicos, transportando objetos e se materializando fisicamente diante de todos (fatos comprovados por pesquisadores sérios). Tudo para nos dizer que a morte do corpo carnal não é o fim e que somos seres eternos. Por que, apesar da incredulidade de muitos, eles insistem em continuar agindo assim? Porque eles continuam a fazer parte da nossa humanidade! Eles sabem que estagiar na escola da Terra é fundamental para o próprio progresso. È uma benção ter a oportunidade de reencarnar aqui. Por isso, eles reconhecem que este planeta os acolhe, fornecendo elementos materiais para a formação do seu corpo de carne(necessário para interagir na matéria), oferecendo todos os elementos para suprir as suas necessidades básicas. Alem disso, sabem que terão de voltar a viver aqui e, assim, se interessam empreservar e proteger o planeta, mantendo boa qualidade de vida. Tambem querem contribuir para que ele tenhas melhores condições futuras. Grande parte dos espíritos que agem influenciando as pessoas na Terra tem evolução mediana. Menos generosos, fazem o bem apenas para as pessoas que gostam, não se importando com as demais. Eles têm um senso forte de justiça e sesentem felizes quando desafeto é punido, mas são capazes de fazer até sacrifícios em favor daqueles que amam. Essa limitação revela os pontos fracos que ainda carregam, que os torna incapazes de enxergar a verdade que se oculta atrás ddas aparencias. Esses espíritos vivem em dimensões mais próximas do planeta, submetidosa rígidas regras de sobreviviencia. Para interagir nos asuntos terrestres, precisam de permissão e acompanhamento. Há ainda os espíritos perturbados, que após a morte do corpo não querem deixar a Terra. Eles recusam qualquer ajuda porque aceita-la significaria obedecer regras. São apegados aos bens materiais, às pessoas que dizem amar e tentam manipular os fatos. Eles aianda perseguem os que julgam inimigos, zombam dos ingênuos que conseguem enganar e acreditam poder se aproveitar, pelo tempo aue quiserem , de quem lhes abre espaço. Com o tempo, descobrem algumas verdades a respeito das pessoas, se desiludem, se envolvem em disputas astrais, se juntam a gangues perversas, sofrem e, finalmente, acabam aceitando ajuda. Vivendo aqui,você está sujeto a todas estas influencias. Mas não tenha medo! Aprenda que, para ficar imune ao mal, basta mandar embora todos os pensamentos negativos que brotam em sua cabeça, sem questionar ou avaliar as origem deles. Entenda que o bem só é verdadeiro se beneficia a todos. Que ao valorizar o planeta que le deu a chance de estar aqui,cuidando dele com amor, você está fazendo a sus parte. Aprecie suas qualidades, sua bondade e seu esforço em fazer tudo certo. Quanto aos pontos fracos, seja paciente.(Fonte:Rev. VIVA/Zibia Gasparetto).
MOMENTOBRASILCOM.COM(Comenta):
Os espíritos que não são considerados perturbados, continuam entre nós, após passarem algum tempo em 'colônias socorristas espirituais", recebendo a devida ajuda e ensinamento dos 'espíritos evoluídos'. Muitas destas colônias situam-se no chamado espaço da crosta terrestre e, por esta razão continuam entre nós.

2 comentários:

Maria José disse...

Allan Kardec coloca na pergunta 459 de o Livro dos Espíritos um questionamento sobre esse assunto nos seguintes termos: “Os espíritos influem sobre os nossos pensamentos e as nossas ações?” Cuja reposta foi: “A esse respeito sua influência é maior do que credes, porque, freqüentemente, são eles que vos dirigem". Isto quer dizer que Os Espíritos influem em nossos pensamentos e em nossos atos, muito mais do que imaginamos. Influem a tal ponto, que, de ordinário, são eles que nos dirigem. Mas podemos neutralizar a influência dos maus Espíritos, praticando o bem e pondo em Deus toda a nossa confiança, repelindo a influência dos Espíritos inferiores e aniquilando o império que desejam ter sobre nós. Guardai-vos de atender às sugestões dos Espíritos que vos suscitam maus pensamentos, que sopram a discórdia entre vós outros e que vos insuflam as paixões más. Desconfiai especialmente dos que vos exaltam o orgulho, pois que esses vos assaltam pelo lado fraco. Essa a razão por que Jesus, na oração dominical, vos ensinou a dizer: "Senhor! Não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal.” Grande abraço.

LUCONI disse...

Quero parabenizá-lo pela postagem, é hora de abrirmos os olhos, os ouvidos, e escutarmos as verdades imutáveis do Criador, sem preconceitos, sem sermos radicais, entendendo que cada alma tem fome de uma fé, ou seja cada qual tem o seu estágio certo para ser vivido, e o que importa não é a doutrina religiosa que segue, mas sim o AMAR AO PRÓXIMO COMO A TI MESMO, demonstrado através de seus grandes e pequenos atos em seu dia a dia, beijos Luconi