terça-feira, 24 de novembro de 2009

OUTRA VEZ? NOVAMENTE? ASSIM É...

FAB dá carona a filho de Lula e mais 15 :
Faltando dez minutos para pousar no aeroporto internacional de Brasília no dia 9 de outubro, uma sexta-feira, o Boeing 737 de prefixo 2116, da FAB (Força Aérea Brasileira), teve de mudar de itinerário e retornar a São Paulo para buscar novos passageiros: o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, e o empresário Fábio Luís Lula da Silva, o Lulinha, com 15 acompanhantes. Meirelles afirma, por meio de sua assessoria, que solicitou o avião para transportá-lo de São Paulo para Brasília e que apenas no momento do embarque soube que, "por solicitação da Presidência", o filho de Lula e mais 15 pessoas "aproveitariam o voo da aeronave colocada à disposição do BC". A viagem do Boeing começou em Gavião Peixoto (SP), levando a Brasília militares a serviço da Aeronáutica. Eram 17h, já perto da capital federal, quando o comandante recebeu ordem de voltar a São Paulo. O Boeing voltou e pousou às 19h em Guarulhos, onde foi abastecido. O comandante recebeu nova ordem: os passageiros embarcariam em Congonhas, não em Guarulhos. O Sucatinha partiu de Guarulhos às 20h30. Como já havia sido abastecida, a aeronave teve que ficar voando por uma hora para gastar combustível e ingressar nas condições de pouso em Congonhas, onde aterrissou às 21h30. Os militares foram deslocados para a parte traseira, para que os novos passageiros embarcassem. A decolagem foi às 23h. O avião chegou a Brasília uma hora e 40 minutos depois. O presidente do BC diz que não sabia o itinerário anterior do avião, deslocado para atender a sua chamada quando estava para pousar em Brasília. O Boeing, conhecido como Sucatinha, faz o transporte aéreo do vice-presidente da República, dos presidentes do Senado, da Câmara ou do STF, de ministros ou ocupantes de cargo com status de ministro (como Meirelles) e de comandantes das Forças Armadas. Segundo a regra que regulamenta o uso da aeronave, as autoridades que solicitarem o uso do avião devem informar à Aeronáutica "a quantidade de pessoas que eventualmente as acompanharão".
O decreto diz ainda que "o transporte de autoridades civis em desrespeito ao estabelecido" no texto "configura infração administrativa grave".
Outro lado :
A assessoria do Banco Central diz que Meirelles solicitou a aeronave da FAB apenas para ele e um assessor. A assessoria de imprensa da Presidência da República afirma que os passageiros, incluindo Lulinha, eram convidados do presidente Lula: "É normal o presidente da República convidar pessoas para se encontrar com ele em Brasília e oferecer transporte pelas aeronaves que servem a Presidência da República". Lulinha não foi localizado para comentar o caso. A assessoria da Presidência afirma que não fornece informações sobre familiares de Lula. A Presidência, o BC e a FAB não forneceram a lista de passageiros solicitada pela Folha. O tenente-coronel Henry Wender, assessor da FAB, afirma que, como o Boeing estava à disposição da Presidência, a FAB não tem controle de lista de passageiros e de itinerário.//(BOL)//.
MOMENTOBRASILCOM.COM(Comenta):
Total e completo o desrespeito do filho de Lula. O simples fato de ser filho do Presidente da República, não lhe dá o direito de 'fazer e acontecer'.È um cidadão civil que, tem direito a segurança pessoal. A isto chama-se abuso de poder. Poder este, que não lhe foi dado pela população, e sim, por um pai que clama por moralidade e ética, que não a tem. Fez das autoridades da nação em serviço , meros empregados. Desta vez, 'sacaneou' literalmente com o país. E o Lula ainda vem dizer que não aceita intolerâncias. Quem não as aceita, é o povo brasileiro, cansado de tanta corrupção, ter que engolir goela abaixo, os caprichos de um rapaz despreparado em todos os sentidos e tendo sua turma como plateia, de atos irresponsáveis. Alem de não saber o que se passa do lado do seu gabinete (por pura conviniência), Lula mostra que tambem não tem 'voz altiva' dentro da própria família que constituiu. Presidente: vai falar em moralidade, em outro terreiro. No Brasil não!

3 comentários:

Paulo Camacho disse...

Obrigado por seguir meu blogue.
Paulo Camacho

angela disse...

É de dar enjôo.
abraços

TRIBUNA-RASIL.COM disse...

O DOM "MAROLINHA" I e único no "Reino do tudo Pode", desde que a minha parte seja a maior, ataca agora de "CRISTO", ver o famigerado filme biográfico. "Filho de peixe"... (O INDIGNADO)