domingo, 23 de agosto de 2009

O CAMINHO ERRADO: TIRO NO PÉ.

PT toma caminho errado.
O PT (Partido dos Trabalhadores) tomou o caminho completamente errado ao dar os votos necessários para arquivar os processos contra o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), no Conselho de Ética. Segundo Cruz, diante do desfecho que era inevitável, o PT preferiu ficar nas últimas semanas em uma guerra interna que só aprofundou o desgaste do partido.
Era um desfecho inevitável porque durante o governo Lula ninguém até aqui decidiu enfrentar o poder presidencial. Lula ficou bem maior que o PT, partido que hoje tem espalhado pelo governo federal inúmeros cargos que são obtidos exatamente porque tem lá no Palácio do Planalto o presidente Lula, ou seja, hoje o PT depende muito mais do chefe do que o contrário.//(FONTE; Valdo Cruz/Folhaonline):
MOMENTOBRASILCOM.COM(Comentário):

O medo alucinado de perder o apoio do PMDB levou Lula à dar um verdadeiro 'tiro no pé'. Em sua 'santa inteligência'(?) não permitiu enxergar mais longe. Agora com a saída da Marina Silva e a ameça(?) do Mercadante, contribuiu para que 'acordasse' e, para não se dar por vencido, profere mais umas das costumeiras pérolas:"Ninguem consegue dividir o PT. Nem eu consigo. O partido continua forte. A saída da Marina tambem não tira votos do partido". Somente os desavisados ou algum idiota para concordar com tais declarações. Mais uma vez o presidente perdeu boa oportuniadade de ficar calado.

Um comentário:

angela disse...

Sabe o pior?
Ele continua com altissima aprovação.
abraços