segunda-feira, 3 de agosto de 2009

CONGESSO NACIONAL ou CASA DE TOLERÂNCA?

Que belo exemplo nos foi dado hoje, durante a sessão que marcou reinício dos trabalhos de um congresso nacional e que se diz representante do povo, até por que por ele foi eleito. A baixaria promovida pelos respeitáveis(?) senadores, servem para ratificar que não é só o seu presidente quem deve sair. E sim todos. Com a frequência dos escândalos, há quanto tempo as reuniões de pauta não acontecem? e nem por isto o país 'parou'. Continuou com sua agonia, a cada dia. Provando que esta democracia que aí está, ou melhor, democradura(misto de democracia & ditadura), não sente a menor falta dos senadores. Fico a imaginar, as gozações realizadas pelos demais países, e em especial os que são amigos do Lula. Com certeza,o Obama, mais do que nunca,continua afirmando ser nosso presidente, 'o cara'. Cara de palhaço, paspalhão e narigudo, por andar intrometendo-se na administração de vários países. Quanta seriedade! Quanto respeito! Quanta ética! Quanta moral! Quanta cara-de-pau! E o presidente do Brasil, continua dizendo que o problema não é dele. Deve ser então da mãe Joana! (perdoe-me a Jurema).//.

3 comentários:

angela disse...

Eu assisti um pedaço da briga. Foi horrivel, uma vergonha.
abraços

flávia disse...

Cansei de tentar entender o que acontece no Brasil.E li em algum lugar lugar que Sarney disse que a crise não chega às classes C, D e E,affe!!!

missosso disse...

caro Roy, a pergunta que cada vez menos quer calar é: para que servem os políticos de forma geral? nem se questiona a pertinência da democracia e do estado de direito (é o básico), mas o caso é, talvez, saber como modificar a estrutura atuial de representatividade. Netdemocracia ou voto nulo! abs