quarta-feira, 6 de maio de 2009

SEMELHANÇAS DE OPINIÕES.

A publicação a seguir, é um trecho da materia da'VEJA':
TEXTOS DE FORMAÇÃO: 'O CARA DA FALA E A FALA DO CARA;
A verdadeira agenda do PT é o controle político da sociedade. O partido sempre pôde conviver com a economia de mercado — ainda que à sua maneira (já chego lá). Mas nunca pôde conviver, de fato, com a democracia plena e com a sociedade livre, daí a sua relação permanentemente crispada com a imprensa realmente livre e o tratamento sempre hostil dispensado àqueles que não lhe fazem todas as vontades. Daí a permanente criminalização da divergência, de que o Apedeuta-chefe é o grande teórico. A cada vez que subiu e sobe no palanque, dedica-se à demonização do passado, como se aqueles que o antecederam no cargo — menos Sarney, é claro — tivessem optado pelo erro, pela farsa, pela falcatrua.Vejam lá o Lula que fala no Maranhão: se ele próprio ignorou a pauta petista, por que seus antecessores deveriam tê-la seguido? Mas Lula também se fez imune à lógica e à coerência. Ou não seria Lula.Caminhando para conclusão, observo que relativizei ao menos duas vezes a compreensão que o PT tem da economia de mercado. Explico-me. O governo que aí está é mais um jogador do que um árbitro da aplicação das regras do jogo. E qualquer grande empresário sabe disso. Não se faz hoje um grande negócio no país sem que se sinta, como chamarei?, a presença forte do partido, decidindo, se preciso, ganhadores e perdedores segundo o interesse da nova classe que chegou ao poder. O emblema desse momento foi a lei que Lula assinou para legalizar a compra da Brasil Telecom pela Oi — num caso clássico, já aqui sintetizado, de lei feita de acordo com os negócios em vez de negócios feitos de acordo com a lei.Muitos poderiam dizer: “Eis aí: mais uma vez, Lula, conforme confessou, atropelou o partido”. Bobagem! Lula agiu de acordo com o núcleo duro do PT, que sempre teve uma agenda aberta em economia. A agenda fechada, aquela de que não abre mão, é a do controle político da sociedade, é aquela que prevê substituir essa sociedade pelo partido. Na sua realização plena, será preciso pertencer ao partido para poder opor-se a ele.Não sou pessimista. Sou realista. E, por isso, há tempos, declaro-me numa espécie de Resistência.
Por Reinaldo Azevedo
04:49 /Rev.VEJA(06/mai/09)///.
Nota do edtor: O trecho acima, assemelha-se em grande parte com a opinião deste redator, quando em materias por nós publicadas, mostramos que o governo federal segue as diretrizes emanadas da alta cúpula do PT(José Dirceu), dando pouca importancia à sociedade brasileira, efetuando ações que favoreçam aos próprios interesses sem a preocupação de realizá-los seguindoos trâmites legais da lei e da justiça e, fazendo 'beicinho' e dando tramento hostil ao segmento da imprensa livre, que noticía e comenta os desmandos existentes no país.

Um comentário:

Taciana Giesel disse...

Oi, tudo bem?

Gostei do seu blog. Gostaria de sugerir para acompanhar o PORTAL ALTERNATIVA BRASIL. Um espaço para debate político e econômico do nosso país. Queremos alternativas para um Brasil melhor e mais justo.

Acesse: http://portal.alternativabrasil.org/

Notícia de hoje:
"Debate na Câmara dos Deputados traz novas propostas para a Poupança"

http://portal.alternativabrasil.org/